quarta-feira, 29 de maio de 2013

5 meses


5 deliciosos, maravilhosos meses do lado da coisinha mais linda do mundo. Se fico feliz ao comemorar? meu deus, fico radiante! Ao mesmo tempo um pouco nostalgica... O tempo tem passado tão de pressa... E meu bebezinho está cada vez mais bebezão

Esse mês o Nicolas aprendeu tanta coisa nova... nossa, como se desenvolveu!!

- Cresceu 3 cm e meio e engordou 550 gramas, agora mede 64,5 cm e pesa 7 kg
- Usa fraldas tamanho M (desde os 2 meses!) roupas tamanho 3 a 6 meses e calçado tamanho 16
- Continua acordando entre 7 e 8 da manhã com algumas excessões em que acordou as 8:30
- Continua acordando entre 1 ou 2 x durante a madrugada
- Tem dado intervalos maiores entre as mamadas mamando a cada 2 horas durante o dia
- Voltou a tomar banho na banheira pois o balde estava muito pequeno
- Descobriu os pézinhos, quando sentado ou no banho de balde consegue segurá-los e sempre tenta levar a boca mas ainda não consegue
- Quando olha no espelho vira a cabeça para checar se estamos no mundo real
- Fica em pé com apoio
- Começou a dar os primeiros passinhos segurando a mão da mamãe
- Pega todo objeto que lhe é oferecido e na mesma hora leva a boca
- Começou a perceber quando nos afastamos dele, quando saímos de perto ele nos segue com o olhar e se alguém sai pra fora da porta ele continua olhando pra porta pra checar se a pessoa vai voltar ou não
- Senta alguns minutinhos sozinho, mas cansa e se joga pra trás
- Quando de bruços tenta engatinhar/ se arrastar, quando percebe que nao vai conseguir chora
- Já consegue planejar alguns movimentos como quando esta de bruços pegar um brinquedo a sua frente, virar de costas e então colocar o objeto na boca
- Aprendeu que pegar e bater é diferente, em brinquedos de bater bate, em brinquedos de pegar pega
- Aprendeu a fazer carinho no nosso rosto e eu e o papai fomos os únicos privilegiados até agora
- Quando o abraçamos ele retribui e vez ou outra encosta a cabecinha no nosso ombro, mas eu sou a única pessoa que ele faz isso, com o papai fez 1 x e com um ursinho outra hehe
- Começou a estranhar outras pessoas e quando está com sono quer exclusivamente o colo da mamãe
- Começou a mostrar sua personalidade, é muito carinhoso mas CHEIO de manias, por exemplo se ele está chatinho de sono, teve um pesadelo ou algo assim, ou por qualquer motivo está de mal humor, só eu posso falar com ele (???) se outra pessoa FALAR com ele abra o berreiro
- Se acorda e ve que está sozinho, da uma reclamadinha, mas quando eu chego para pegá-lo, olha bem nos meus olhos e chora MUITO, como se dissesse: você me deixou aqui sozinho???
- Quando tem algum incomodo ou dor, sempre olha bem nos meus olhos e então reclama um choro parecido com "aiaiaiaiaiaiai"
- Continua dando aquelas "semi-gargalhadas" mas agora não é mais exclusivamente pro papai, também da pra mamãe, pra vovó e pro teto, rs.
- Continua MUITO simpático sorrindo muito pra tudo, mas quando está de mal-humor, saia de perto!!
-Está seletivo com as pessoas, tem gente que não gosta e pronto, outras adora sem nenhum motivo
- Pra dormir prefere o colo da mamãe ou da vovó, muito raro outra pessoa conseguir faze-lo dormir
- Está com uma rotininha* bem fixa agora e faz tudo mais ou menos nos mesmos horários
- Continua mamando só no peito
- Começou a dormir mais tarde, tira uma soneca de meia hora as 18 horas e depois dorme la pelas 20:00
- Adora ficar em pé e não curte muito ficar sentado nem de bruços
- Se está fora de casa não dorme quase nada, é capaz de passar a tarde inteira acordado por estar em um ambiente estranho
- Começou a fazer manha pra ficar no colo (no meu colo, na verdade) não tem ficado muito no bebe conforto nem no carrinho, no chão com seus brinquedos fica mais tranquilo, mas fica olhando pra porta esperando eu voltar
- Cores preferidas continuam sendo vermelho e amarelo
- Sons preferidos continuam barulho de passarinho e da vaquinha, agora também gosta do cavalo hehehe








Com a vovó paterna, papai e mamãe

to quaaaaaaaase lá mamãe!!

Filho, esse mês passou voando... nem acredito que já chegou ao fim! Como você evoluiu esse mês bebe, a cada dia que passa você nos surpreende. Anda tão esperto... nem da pra acreditar que tem só 5 meses, e que é prematuro então? Ninguém diz! Filho, você tem se tornado um bebe com uma personalidade forte, mas muuuuuito sentimental e carinhoso. Também muito perceptivo... Se estamos nervosos ou chateados mesmo sem falar nada você na hora percebe e muda seu comportamento.
As vezes eu acho que você é um anjo enviado por Deus pra me ensinar tanta coisa e me fazer feliz. Obrigada por colorir minha vida com seus sorrisos tão doces e me ensinar o que é amar de verdade incondicionalmente. Te amo pra sempre, meu melhor amigo, meu melhor companheiro, o melhor filho que eu poderia querer.

Feliz mêsversário Vicentinho!
Para vídeos do polaco acesse : http://www.youtube.com/user/anakluber?feature=watch
e fotos nos siga no instagram: http://instagram.com/anakluber


Quer ver como foram os outros meses do nicolas?
 4 meses , 3 meses , 2 meses , 1 mês e 1 semana

domingo, 26 de maio de 2013

Quartinho do Nicolas

  Olhando minha amiga arrumando o quartinho da bebezinha dela que está por nascer me deu uma saudadezinha do barrigão, de planejar tudo, de arrumar as coisinhas... Eu arrumei e desarrumei a comoda dele umas 500 vezes quando estava gravida!! A malinha da maternidade também! Que delícia que é essa fase...
  Enfim, me toquei que nunca havia feito um post de como ficou o quartinho do pequeno. Na gravidez não pude arrumar pois ainda estava na casa da minha mãe, então só montei o berço do lado da minha cama e a comoda para por as coisinhas dele. Quando ele estava com 2 meses e fomos pra nossa casinha aí sim pudemos arrumar o cantinho dele, mas mesmo assim não fiz tanta coisa. Pintamos de azul, montamos o berço, a comoda e o guarda-roupa, colocamos umas prateleiras e bem... foi isso! O quarto dele não tem nenhum "tema" específico, o tema é: colocar tudo que ele ganha de forma organizada. Nada combina nem descombina, mas eu gosto e acho aconchegante. Ainda quero mudar algumas coisas, colocar um espelho na parede, uma luminária em forma de avião que eu vi em uma loja de coisas pra bebes, mudar o interruptor que é daqueles antigos... talvez colocar um papel de parede ou algo assim, veremos, estou aos poucos deixando com a nossa cara.
  Jogo de berço ele tem um que a minha tia fez exatamente como eu queria, é LINDO, mas infelizmente eu não estou usando e não recomendo comprar, pra mim só ocupava espaço e servia pra juntar pó. Acabei tirando e está guardadinho...








quinta-feira, 23 de maio de 2013

terça-feira, 21 de maio de 2013

Não é mamãe, não é mamãe

  Depois desse post aqui, as coisas mudaram MUITO por aqui... acho que Deus olhou aqui em baixo e pensou: ah é? tá ruim assim... então toma!!
  Agora o Nicolas do nada começou a morrer de amores por mim. Banho só eu posso dar, se qualquer outra pessoa vai dar é escandalo (tadinha da minha mãe, adora dar banho no neto) , trocar fralda ele até aceita que outra pessoa troque, mas não sempre, as vezes também chora.     Vai muito bem no colo dos outros, mas se eu estiver perto... Não pode me perder de vista não! Várias vezes reclama no colo dos outros e se acalma no meu sem nenhum motivo aparente, só porque quer vir comigo.
Dormir? Só no meu colo. Tarefinha chata que eu gostava de delegar ao pai não dá mais, ou é eu que vou e encaro e em 5 minutos ele dorme, ou é meia hora de choro que eu tenho que ouvir até ele finalmente capotar. Continua brincando e rindo pro papai e adorando ele, mas experimenta deixar ele sozinho com o pai? Chora desconsolado, olhando pros lados me procurando. Ontem chorou do momento que eu sai até o momento que eu voltei e foi só vir pro meu colo que jogou os bracinhos em volta do meu pescoço, encostou o rostinho no meu e suspirou aliviado.
Se por um lado isso é a coisa mais linda e adorável do mundo, por outro lado tem nos dado um problemão, já que eu vou pra faculdade toda noite e não curto muito a idéia de deixar ele chorando... O que fazer? levar junto? Trancar a faculdade? Deixar chorando mesmo assim? Aiaiai não tá fácEL minha gente, hoje ele vai ficar com a minha mãe, Deus ajude que ele não chore!! Torçam por mim!
Ps. Da onde isso gente? Eu sempre ficava em segundo plano e agora ele encarnou* em mim justamente e principalmente a noite quando eu preciso ficar fora?? É isso que eles chama de lei de Murphy materna?

domingo, 19 de maio de 2013

De cara nova

Então o namorido resolveu dar uma mãozinha e deu outra cara pro bloguinho, que vamos combinar estava meio xoxo né? Espero que tenham gostado de como ficou... Semana que vem vai ter um video novo aqui, estamos pensando em várias coisinhas legais! :)


Beijinhos da Ana e do Nicolas

quinta-feira, 16 de maio de 2013

Aquela cara


Nicolas me saiu com essa agora, tem feito uma cara que eu chamo de "cara de concentração" hehe. 1 dia antes de completar 4 meses ele aprendeu a pegar objetos, e a cara veio junto. O esquema consiste em: 1º lugar olhar o objeto que quer pegar 2º arregalar os olhos, fazer um bico do tamanho do dia inteiro combinado com uma cara de bravo peculiar e então em 3º lugar de fato pegar o objeto.
Fala sério, não é a coisa mais fofa do mundo?

tentando pegar os pés

tentando pegar o móbile
Só agora eu consegui registrar, as fotos tão porquinhas, mas já da pra ter noção da fofúria. *-*

quarta-feira, 15 de maio de 2013

Feliz dia das mães

 Quando eu era criança muitas amiguinhas minhas sonhavam em andar de avião, ser professora, veterinária, ir pra disney, Eu não eu sonhava em ser mãe. Mas não era apenas ser mãe eu queria ser mãe de um menininho de cabelo enrroladinho e olhos claros. Eu passava horas só imaginando que nome daria ou como seria. Viajava pensando na minha vida com o suposto filho. Fui crescendo e sempre tive paixão por bebês e crianças e elas sempre se deram bem comigo, os bebes da família quase todos passaram por minhas mãos haha. Mas cuidar do filho dos outros é uma coisa, cuidar do seu é completamente diferente. Eu planejava minha vida imaginando quando chegaria a minha vez. Sinceramente, acho que nasci pra ser mãe, se tem uma coisa que eu adoro é ensinar, cuidar, brincar com crianças. É muito gostoso.
 Quando o teste deu positivo, eu não conseguia acreditar, fiquei pasma, não fiquei feliz nem triste, fiquei apenas sem reação. Com o tempo comecei a entender que SIM eu estava grávida, sim eu ia ser mãe. E isso me inundava de felicidade. Não conseguia imaginar como seria ter o meu tão sonhado aqui, meu tão sonhado MENINO que eu já sabia o sexo desde o momento da descoberta da gravidez.
  Ouvir o coração pela primeira vez, a escolha pelo nome, os primeiros chutinhos, tudo isso eu lembro com tanto carinho e amor... É tão maravilhoso ser mãe, é realmente um presente de Deus.
 Mas ser mãe não é só brincar e dar risada. Mãe cuida, ampara, troca, lava, corta unha... Mãe faz o que ninguém mais que fazer. Mãe leva pra dar vacina e chora junto, mãe se sente exausta por passar o dia em função do filho e quando ele dorme morre de saudades. Mãe é chata. Mãe tem que dizer não, mãe tem que ser pentelha e ensinar a coisa certa. Mãe tem que ficar de ruim na história. Mãe tem que deixar de castigo e falar firme. Mãe, quando tudo da errado, tem que permanecer de pé e se fazer de forte. Mãe nunca descansa, pensa 24hrs no filho, dorme com um olho aberto e um fechado, nunca esquece do seu bebe.
  As vezes ser mãe é solitário. É cansativo. As vezes da vontade de chorar. Mãe é julgada por todo mundo o tempo todo. Mãe tem que ser perfeita, mas ninguém de fato é. Mãe é julgada por tudo que o filho faz, sempre é culpa da mãe. Se o pai quer descansar ele dorme em outro quarto, se a mãe quer descansar ela não consegue porque mesmo que durma em outro quarto vai ficar preocupada com o filho do mesmo jeito. Se a mãe trabalha fora ela é omissa, se ela fica só com o filho é uma preguiçosa. Se deixa o filho pra sair esfriar um pouco a cabeça é desnaturada. Se nunca sai de casa fica louca. Mãe é gerar alguém dentro da própria barriga, é alimentar do próprio seio. É ter o coração batendo fora do corpo. Ninguém nunca conseguirá medir a magnitude e a dificuldade de gerar e criar alguém. Não é uma profissão, é muito além disso, é abdicar de viver para se dedicar a outro alguém pro resto da vida.
  Ser mãe é o dom mais maravilhoso que Deus pode ter dado, e só sendo mãe mesmo pra saber o sentimento, a dificuldade e a alegria de ser.
  Esse domingo foi o meu primeiro domingo de dia das mães como mãe e agora, com certeza posso dizer com conhecimento de causa:

Parabéns guerreiras que são a melhor mãe que vocês podem ser. Feliz dia das mães (atrasado)!


E obrigada meu filho por me fazer mãe e me fazer sentir o maior amor do mundo. Te amo mais que minha própria vida.

terça-feira, 14 de maio de 2013

Amamentando um alergico


 Depois que eu descobri a alergia do Nicolas, foi uma busca incessante para conseguir me livrar completamente do leite e do ovo.
  É muito mais complicado que parece, primeiro lugar porque você não pode confiar no que as pessoas dizem, e nem confiar 100% em rótulos também. Você tem que ter um grande conhecimento sobre a alergia, caseína é leite, lactato de sódio não é, e corante caramelo pode conter traços de leite. Ler rótulos é só o começo.
  Dá vontade de desistir? Sinceramente? Dá. Principalmente quando acontece algum erro na dieta, ver o filho sofrendo é terrível. Mesmo que não seja tua culpa, mesmo que seja culpa de um rótulo que não é totalmente seguro, ou de alguém que não te falou direito oque ia naquele alimento, você sempre vai se sentir culpada. Dá vontade de apelar pro leite artificial? Dá.
  Mas estamos aí, comemorando 4 meses e meio de aleitamento materno exclusivo! Rumo aos 6 meses, e depois aos 2 anos! Eu me sinto feliz e vitoriosa hoje,mesmo que amanhã eu desista, ou meu leite seque ou eu pare de amamentar por qualquer outro motivo,ainda sim me sinto vitoriosa, pois eu, hoje, posso dizer que venci muitos desafios e me esforcei muito pra que a amamentação fosse possível pra mim e pro meu filho. Sim EU,eu completamente. Porque eu me sinto bem sozinha nessa minha "luta diaria". Quando meu filho está mal milhões de dedos apontam no meu rosto porque me descuidei? por que não dou leite artificial? coitadinho dele... Mas quando ele está bem, todos insitem pra que eu coma, me chamam de louca pelo meu cuidado excessivo, riem da minha preocupação. Nem sempre é facil. Sou eu que cuido do que eu como, eu que erro, eu que amparo meu filho com dor. Eu abdico do meu corpo para alimentar meu filho. A amamentação foi e é algo que depende 100% de mim, e por isso que sinto que é uma conquista grandiosa. Isso não me faz melhor que alguém que por qualquer motivo não amamente, longe disso, mas me faz melhor que eu mesma se tivesse desistido, sem ao menos tentar.

Ta, mas como eu consegui isso?

Primeiro lugar descobri os leites ocultos, o que era perigoso e o que não era. Abdiquei de vez de comer fora e comer produtos de padaria ou que eu não pudesse ler o rótulo. Nem o pãozinho d’agua não era mais seguro, o risco de contaminação dentro de uma padaria é exorbitante. Tenho que ficar atenta também a contaminação cruzada,por exemplo o presunto é um alimento que não pode ser consumido, já que é cortado na mesma maquina que corta o queijo. Lingüiça toscana possui traços de leite, sabia? Eu também não, descobri na prática com lindos 9 dias que meu filho passou mal depois de meia lingüiça que eu comi. Tem coisa que a teoria não fala, muita coisa é testando no dia-a-dia mesmo. Anticoncepcional, suco de pacotinho, caldo maggi. isso tudo foram coisas que eu nunca imaginava e que contém leite ou traços.

 Pãozinho agora é só o feito em casa, sorvete é o de soja que minha mãe inventou esses dias. Bolacha já achei 4 marcas que não contém leite ou traços. Caldo de galinha só da arisco, que não tem traços de leite. Chocolate é mais de 6 reais o tabletinho pequeno, em uma loja especializada em esse tipo de produtos, mas é uma delícia. Iogurte tem de soja da batavo, e inclusive é muito bom. Larguei mão dos embutidos,defumados e frios em geral, mas tem uma lingüiça defumada de frango que é divina que eu posso comer. Até brigadeiro com leite condensado de soja já fiz! Só o bolo que eu ainda não consegui acertar sem leite e ovos... tenho umas receitinhas pra testar e compartilho depois com vocês.

Enfim, com essa experiência posso perceber que MEU DEUS, como consumimos derivados lácteos!! Tem leite em praticamente tudo, pra que tanto leite?? Semana passada comi um omelete com permissão da pediatra pra ver como andava a alergia do Nicolas,e foi horrível, passei mal depois, pode isso? Bem, acho que já me acostumei tanto que não tem mais me feito falta, no começo parecia impossível, agora já se tornou natural. Não é a coisa mais legal do mundo ir em um aniversário infantil e não comer absolutamente nada, mas também não é a pior coisa do mundo. Hoje vejo como consumimos produtos industrializados... Cheios de tanta coisa que nem sabemos o que significa. O que é, afinal, açúcar invertido? O que é esse tal corante tatranzina?

Mesmo depois que meu filho estiver curado dessas alergias, com certeza vou levar uma vida com muito menos leite e muito menos industrializados. Um passo mais perto de uma vida mais natural e saudável.

De qualquer forma, você deve estar se perguntando por que cargas d'agua eu persisto e me esforço tanto se é só dar o leite de lata?
Porque o olhar de um filho enquanto mama é algo que só quem já amamentou entende, é mágico, é íntimo, é maravilhoso. Porque pra mim a amamentação é algo muito gratificante, porque ver meu filho crescendo e engordando acima da média, com uma saúde de ferro não tem preço que pague! Porque faz bem pra ele, porque faz bem pra mim. Porque pro meu filho não é só alimento, é carinho, proteção,amor.
 Por isso já adianto, não pretendo desistir tão cedo! Se um dia virem eu por ai com um baita rapaz de 2 anos de idade mamando, e vierem me falar que é feio, não vou dar a mínima, pois vou estar tão feliz de ter conseguido chegar lá que não vou nem ouvir. Pode ser que eu não consiga, como a maioria fala, mas uma coisa eu tenho certeza: vontade de persistir e leite no peito eu tenho de sobra!

#rumoaos2anos


sexta-feira, 10 de maio de 2013

Eu só queria dizer...

que hoje você está tão querido, tão lindo, tão bem! Depois de uma semana como a que a gente passou filho,  merecemos um final de semana maravilhoso, você não acha?
Te amo mais do que tudo!

quinta-feira, 9 de maio de 2013

Pepe


  Nunca fui contra chupeta, mas sempre fui contra o uso excessivo 24 horas por dia. Todo mundo sabe que estraga os dentes, faz mal, pra tirar depois é super difícil e que muitas vezes as crianças acabam utilizando como fuga emocional, isso não é novidade, mas que ela também acalma, previne a morte súbita, alivia a dor, que o sugar libera endorfina que deixa o bebe mais tranquilo também sabemos! Enfim, pra mim a chupeta é uma ferramenta, e cabe aos pais saberem utilizar da maneira correta.
 Na gravidez meu plano era só dar em caso de emergência extrema, então comprei uma daquelas ortodonticas (a da foto) que ficou guardadinha na gaveta. Também ganhei uma chupeta-termometro no chá de bebe e essas eram as únicas duas que ele possuia.
  O tempo passou e eu não oferecia a chupeta a ele...Até que as terríveis cólicas começaram. Aí era só o peito pra acalmar, era um caos, dia e noite cuidando dele. Até descobrirmos que ele tinha aplv e conseguirmos acertar a minha dieta e um remédio pra ele demorou pelo menos uns 2 meses e meio. E esses 2 meses e meio foram de caos total! Então resolvemos dar a chupeta para acalma-lo pelo menos um pouco. Só que ofereciamos a chupeta pra ele e ele não queria, cuspia e chorava mais, não tinha jeito! Então fui parando de oferecer...
  Até que um dia ele não parava de chorar por nada, então resolvi ver se ele tinha febre, vai saber né? a criança não pára... E dei a chupeta termometro pra medir a febre e na hora ele parou de chorar, se acalmou e dormiu. MEU DEUS, esse negócio é magico, é maravilhoso, vai la na farmácia e compra mais duas, Jean!! Resolvemos que sim ele ia chupar chupeta, até as cólicas acabarem então iriamos tirar.
  Foi aí que as chupetas começaram entrar na nossas vidinhas. Mas ele só queria saber daquela chupeta-termometro que o bulbo era redondo e grande, da ortodontica que eu havia comprado necaaaas, dos outros  2 tipos diferentes também não! Foi indo até que eu comecei oferecer só a ortodôntica e ele acabou aceitando, mas ele nunca realmente gostou de chupeta e nunca aprendeu a pegar direito, tanto que tinhamos que segurar na sua boca senão caia.
  Mas ele foi se acostumando, de repente só dormia com ela e qualquer dorzinha ela tinha que estar ali. Então percebi que bem, não era isso que eu tinha planejado, eram só casos extremos, lembra? A dor sumiu e ela ainda nos acompanhava para todos os lugares e já possuiamos mais de 4 em casa e 2 na casa da minha mãe, estava saindo do controle. As cólicas acabaram, hora de tirar!
 Então aos poucos comecei a tentar faze-lo dormir sem a dita cuja, e oferece-la realmente só em ultimo caso, quando ele sentia dor ou não dormia de jeito nenhum. E pra minha surpresa ele estranhou pouco a vida sem chupeta e se adaptou muito bem, foi desacostumando, desacostumando e sem nem perceber fomos parando de oferecer, de carregar, de mandar ela junto quando ia ficar com a minha mãe ou outra pessoa até que semana passada me toquei: nossa, já faz mais de 2 semanas que ele não chupa chupeta! Legal! Ele estava bem, sem nenhuma dor, já estava acostumado a dormir sem ela, não tinha nenhuma situação que ela fosse necessária. Então avisei o jean e a todo mundo: Nicolas não chupa mais chupeta!
  Até que sábado fiz a infeliz coisa de tentar voltar com o ovo e ele teve reação, uma das piores que eu já vi, ficou mal mal mal, com MUITA dor, e na mesma hora peguei a dita cuja e coloquei na boca dele, pois na época de dor ela sempre aliviava e ajudava. Só que ele NÃO quis. Não aceitou. Simples assim, todos esses dias que ele não estava bem eu ofereci e nenhuma vez ele quis. Foi um sinal pra eu tirar de vez, se nem ele quer, pra que insistir? E agora posso dizer: Nicolas agora aos 4 meses não chupa mais chupeta!
  Não vou fazer nada definitivo como jogar todas elas fora, estão dentro de um pote e se necessário voltarei a utilizá-las, pois são uma ferramenta, lembram? Mas por mim continuarão lá por um bom tempo!!

Hoje cedo eu tentando dar a pepe pra ele, só de zua haha: http://www.youtube.com/watch?v=gS2I7i37I98&feature=youtu.be



quinta-feira, 2 de maio de 2013

quarta-feira, 1 de maio de 2013

4 meses com o príncipe! (atrasado!!)


  Atrasado, sim eu sei!! Não pude escrever segunda nem terça, muita coisa da faculdade, levar Nicolas na pediatria, cuidar do baby, da casa... ufa, nem tem sobrado tempo pra mim... Hoje que parei um pouco depois do almoço...
Mas vamos ao que interessa, como anda esperto o meu garoto, hein? Esse mês foi simplesmente maravilhoso! Eu diria que foi o melhor até agora... Nico anda muuuuuuito bem, sem nadinha de cólicas nem a noite nem de dia nem nunca, graças a Deus... É tão bom ver meu filho bem!
Neste mês meu anjinho aprendeu a brincar sozinho, passa horas se deixar batendo no mesmo brinquedo! 1 dia antes de completar 4 meses aprendeu a segurar objetos e desde a metade do mês todo objeto que colocamos na mão dele é na mesma hora levado a boca
 Começou a acordar durante a noite e a criar uma rotininha dele e de fato a quase não incomodar. Virou bebe-anjo completamente... Simpático encanta todo mundo, sorri pra qualquer um que faça gracinhas pra ele!
  Aprendeu muitas coisas agora o sem vergonha imita a gente, pode isso? se colocamos a lingua pra fora ele também repete, se estralamos a língua também, muito fofo. Também está muito sensítivo, percebe se estamos brigando ou conversando, odeia que falem alto e não gosta de muita gente... Enfim, no mais tudo anda muito bem e meu príncipe melhor do que nunca!


- No mês passado pesava 5,800 e media 58 cm, agora pesa 6,480 kg e mede 61 cm.(só com leitinho da mamãe)
- Ainda usa fralda tamanho M e roupas tamanho P e M e calçado tamanho 15 ( ou tamanho 2 )
- Continua muito conversador e tem altos papos com a mamãe, o papai ou quem mais se habilitar
- Acorda 1 ou 2 x durante a noite pra mamar, geralmente as 11 horas e depois as 5, mas tem noite que acorda só as 5
- Levanta entre 7 e 8 da manhã
- Mama muuuito de dia, se depender dele mama a cada 20 min, mas a mamãe as vezes da uma enrrolada então geralmente da intervalos de 40 min entre as mamadas
- Fica a noite ou com o papai, ou com a vovó para a mamãe ir pra faculdade
- Começou a entender que eu não estou perto e chorar nessas ocasiões
- Começou a preferir meu colo a colo de estranhos
- Estranha lugares com muita gente e fica tímido e acuado
- Toma banho ou no balde ou no chuveiro, abolimos de vez a banheira
- Vira da posição de bruços para de costas mas o contrário ainda não consegue sozinho, só com ajuda
- Aprendeu a segurar objetos e levá-los a boca
- Parou de ser friorento e virou, na verdade, encalorado, qualquer cobertinha e ja está suando
- Pegou a mania de passar o dia lambendo e chupando as mãos
- Gosta ainda da cor vermelha e do som dos passarinhos, mas também gosta da cor amarela e quando imitamos a vaca hehehe
- Adora olhar o móbile
- É muito curioso, presta atenção em tudo que está ao seu redor
- Gosta de ficar no chão, muitas vezes reclamando de ficar no colo
- Adora passear de carro, de carrinho, no sling, no colo, de qualquer jeito!
- Aprendeu a fazer manha pra dormir, mas geralmente a mamãe consegue fazer rapidinho andando com você no colo pela casa
- Largou mão de ter medo de ficar pelado, e passou a adorar
- Começou a ficar careca na parte de trás da cabeça e a nascer um monte de cabelinhos novos
- Continua dormindo na cama com o papai e a mamãe








"É filhão.... 4 meses com você aqui,da pra acreditar? parece que foi ontem que você nasceu e também parece que te tenho do meu lado a vida inteira, estranho né? Sabe que cada mês que passa eu acho que foi o melhor? Acontece que te ter do meu lado é incrível, filho, e você sem dúvidas é o melhor de todos, nunca vi menino mais companheiro e querido, mesmo com suas manhas você consegue ser a criaturinha mais adorável do universo.
Nesse mês você virou rapazinho, se entrete sozinho, fica tranquilo no acolchoadinho no chão e deixa a mamãe fazer tudo o que precisa, quer ficar sempre em pé, adora pular e ainda mais passear, só sair de casa que você vira um anjinho.
Eu, mais do que nunca, ando morrendo de amores por você, e você por mim... (benza Deus) Deu até pra querer meu colo pra dormir, você que era o puxa saco do papai, acredita? Além de é claro passar muuuitas horas no tete, que você tanto adora!
Filho, eu te acho o nenem mais lindo e mais esperto do mundo, sabia? cada coisinha que você faz eu penso: meu deus,como pode?? Acho que deve ser coisa de mãe... não é mesmo? Ou talvez seja porque você é sim muito lindo e esperto!
 Ver você crescendo feliz e saudável é a minha maior felicidade... Depois que viramos pais meu anjo, as coisas ficam diferentes, o sentido da palavra amor e felicidade por exemplo mudou completamente pra mim! Você agora é a razão de tudo...
Vicentinho, cada dia que passa te amo mais e mais, jamais esqueça disso.
E que venham os melhores meses das nossas vidas!! Uhulll! Feliz 4 meses meu anjo!"











Como foram os outros meses do Nicolas?
3 meses
2 meses